Evolução no varejo. Oferecer uma boa experiência de compra ao cliente ganha cada vez mais importância.

As pessoas vivem hoje de um modo bastante diferente do que viviam há alguns anos.

Na verdade, tem havido uma grande transformação no comportamento das pessoas impulsionada pelo uso de tecnologia.

Hoje, as pessoas organizam suas rotinas através de aplicativos.

Elas estão sempre conectadas e usam o celular para tudo: fazem check-in em lugares, chamam taxi, fazem operações bancárias, buscam informações online, compartilham experiências de compra nas redes sociais, entre muitas outras coisas.

Esse novo comportamento fez com que os desejos e as necessidades de consumo também mudassem muito.

A relação dos consumidores com as empresas, marcas e produtos não se resume só à compra, mas a uma série de outros fatores.

E o varejo já entendeu isso.

Os varejistas sabem que é preciso encantar os seus clientes e encontrar formas de atraí-los.

Por isso, o varejo vem mudando bastante a forma de atender a seus clientes: inovando, adotando novas tecnologias e buscando novas formas de trazer uma boa experiência durante o processo de compra.

Afinal, a satisfação do cliente e uma experiência positiva pode fazê-lo voltar, comprar mais e criar um vínculo de confiança com a empresa e marca.

 Mas como proporcionar uma melhor experiência de compra?

Apostando em ações que envolvam o cliente, através de elementos físicos e emocionais, criando momentos únicos.

Mudanças nos PDVs devem ser realizadas para uma percepção mais positiva do cliente em sua jornada de compra.

Aliás, as lojas tradicionais vêm sentindo tanto o impacto do comércio online que operar no modelo tradicional significa  perder cada vez mais espaço para o online. Mas, apesar do e-commerce estar em alta, sempre haverá demanda para as compras em lojas físicas.

Mas, claro, faz todo o sentido rever o papel das lojas físicas e considerar ações diferenciadas para os PDV, inclusive promovendo a integração dos canais online e offline, sem um limite operacional entre eles.

Para gerar uma boa experiência nos PDV, é preciso considerar um conjunto de iniciativas: mínimo de filas, oferecer estrutura de estacionamento, um bom atendimento por profissionais capacitados, ambiente agradável, facilidades de pagamento, entre muitas outras coisas.

Esse é o exemplo seguido pelo  Walmart, que recentemente buscou na tecnologia a solução para seu problema de filas em lojas : a instalação de caixas de autoatendimento.

O movimento faz parte de mais uma etapa do projeto de reinvenção de lojas, cujo investimento total do projeto é na ordem de R$ 1,5 bilhão até 2020.

A primeira loja a receber os caixas foi a loja Tamboré, mas a previsão é de chegar a 100 terminais em operação por toda a rede até 2019.

Tendo essas mudanças em mente e entendendo que cada vez mais o foco é melhorar a experiência do shopper no momento de compra, ter um parceiro estratégico com ideias criativas é essencial.

A Compart tem buscado alicerces na tecnologia e está sempre atenta às inovações para atender os seus clientes.

Fale com a gente.

Já pensou em investir em uma ação promocional com food trucks?

Trata-se de uma ótima forma de gerar engajamento com sua marca por associá-la a uma agradável experiência para o shopper. 

Os Trucks mais comumente utilizados em ações promocionais são os Food trucks exclusivos das marcas.

Eles costumam agradar o público por serem inovadores na forma de gerar experimentação, afinal, eles podem estar presentes, além dos pontos de venda, em diversos eventos, como os de música, por exemplo.

Os resultados para ações promocionais com Food Trucks costumam ser impressionantes.

Algumas empresas chegaram a registrar um aumento de 200% nas vendas do produto nas datas em que o Truck está presente nos pontos de venda.

Construtoras e incorporadoras também enxergaram uma grande oportunidade nesta nova tendência para promover seus lançamentos já que o grande desafio é atrair pessoas para os estandes de vendas.

Para aumentar a divulgação e estimular a visitação em seus estandes, fazem ações de divulgação nas principais empresas no entorno do terreno, informando que estão trazendo para a região um almoço e um espaço diferente e oferecendo ainda um brinde para aqueles que passam pelo atendimento com o corretor do empreendimento. 

O custo de transformação do veículo depende da complexidade do projeto, mas se tornou muito mais acessível nos últimos tempos, já que existe hoje uma maior oferta de empresas em SP que oferecem esse serviço.

O investimento que acaba impactando e que pode comprometer o seu retorno é a locação do veículo.

Por isso, uma possível saída para a redução dos custos é a compra do veículo, desde que o período de duração da ação seja calculado para que haja uma boa diluição do custo pelos meses trabalhados e que o incremento do volume de vendas no período justifique o investimento. 

Outra possibilidade é a que várias empresas estão buscando: fazer parcerias.

É o caso da incorporadora que fez parceria com uma marca de Salsichas Especiais e a empresa organizou o primeiro food truck de comida kosher para seu lançamento em Higienópolis, que é um reduto da comunidade judaica em São Paulo.

Outros casos são de parcerias das marcas com Food Trucks já famosos e consagrados pelo público, onde é feita uma permuta de produtos e uma divisão de despesas, beneficiando tanto o dono do Truck como as marcas parceiras. 

É bom lembrar ainda que trucks podem ser transformados em várias outras iniciativas, além de Food Trucks.

E várias empresas já estão aderindo a eles.

Existem empresas hoje investindo em Trucks para outros fins, como Laboratórios que oferecem exames de saúde para o público ou Trucks para cuidados de Pets.

A Compart tem feito muitas ações de truck de grande sucesso e ajuda seus clientes a ter excelentes resultados nessas ações.

Workshop Reforma Trabalhista

No dia 21/03/2018, Quarta-Feira, foi realizado na Compart um Workshop sobre Reforma Trabalhista.

Ministrado pelo Dr. Marcos Untura Neto, formado em Direito na USP com especialização em Direito Processual do Trabalho, teve como intuito esclarecer as dúvidas e trazer um maior entendimento das oportunidades geradas pela nova Legislação, juntamente com os impactos positivos da mesma no setor de atuação da Compart e seus clientes.

A Reforma Trabalhista (Lei n. 13.467/2017) entrou em vigor no mês de novembro de 2017. É de extrema importância que as empresas possam entender as consequências da Reforma e as oportunidades estratégicas para a gestão de relações de trabalho que dela advêm.

O Workshop abordou seguintes temas:

Novas modalidades de contrato de trabalho;

Terceirização;

Negociação coletiva;

Resolução de conflitos;

Alterações processuais;

Rescisão do contrato de trabalho;

Jornada de trabalho, pausas e intervalo.

O Workshop agregou conhecimento, possibilitando a todos o entendimento das novas mudanças e ainda, uma segurança nas relações entre empresa x colaborador.

Água: Recurso essencial à vida

Sim. Sem água , nenhuma espécie vegetal ou animal poderia sobreviver no planeta.

A água é o principal componente da nossa vida, afinal, cerca de 70% da nossa alimentação e do nosso próprio corpo são constituídos por ela.

O mais preocupante é que a água está se tornando um bem cada vez mais escasso. Menos de 0,01% do volume total de água existente na Terra está disponível para ser usada pelo ser humano. Sendo a maior parte salgada ou encontrada na forma de gelo, nos resta a água vinda dos poucos rios, lagos e aquíferos subterrâneos

E, exatamente por conta dessa escassez, as discussões relacionadas à necessidade de preservação desse recurso têm se intensificado.

Afinal, a redução do desperdício e uso consciente da água são as únicas maneiras de evitar a falta de água no futuro.

Por essa razão, pensando nessas questões ambientais, muitas empresas estão desenvolvendo produtos com o objetivo de economizar água.

Quer um exemplo?

É o caso de empresas de lavadoras de alta pressão cujos produtos que tem como principal benefício a economia de água.

Você sabia que lavar o carro durante 30 minutos com a mangueira (não muito aberta ) gasta 216 litros de água? E  que, com meia volta de abertura, o desperdício chega a 560 litros? 

Fazendo um comparativo com uma mangueira tradicional: cerca de 3 mil litros de água por hora são gastos contra  o gasto aproximado é de 360 litros/hora das lavadoras de alta pressão. Ou seja, uma economia quase 10 vezes maior! 

Enfim, é tão importante conscientizar as pessoas sobre a necessidade de economizar água que, para nossas equipes, treinamentos são dados sobre o assunto, garantindo que todos entendam a importância e benefícios dessa  economia para o planeta e ainda, que traz um ótimo benefício: para o bolso !

Conservar a Água é preservar a vida.

Diabetes, um mal silencioso

A diabetes é uma condição crônica que acontece quando o pâncreas não é capaz de produzir o hormônio insulina em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo.

A insulina permite que o excesso de açúcar no sangue seja armazenado, enquanto a outra parte é usada como fonte de energia. Quando falta insulina, ou quando ela não funciona da maneira correta, o açúcar fica solto na corrente sanguínea, trazendo uma série de complicações.

Os sintomas da diabetes muitas vezes demoram a aparecer ou a serem percebidos pelos pacientes e por isso é considerada uma “doença silenciosa”.

Só no Brasil, há mais de 13 milhões de pessoas com diabetes, número que representa 6,9% da população, sendo que 1 a cada 2 pessoas simplesmente não sabe que é diabética. 

A prevenção passa por alguns pontos-chave, fundamentais para se ter uma vida saudável: 

  • Praticar exercícios físicos de 3 a 5 vezes na semana é o essencial para manter os níveis de açúcar no sangue controlados.
  • Manter uma alimentação equilibrada é fundamental.
  • Evitar cigarros e álcool.
  • Monitorar periodicamente os níveis de glicemia no sangue.

Cuide-se!

*https://minutosaudavel.com.br

Já imaginou o nosso mundo sem consumidores?

Se você já se fez essa pergunta, deve ter chegado à mesma resposta: todos nós somos consumidores, desde o nosso nascimento, durante toda nossa vida ! 

Exatamente por essa razão, foram criados  tantos produtos que conhecemos: para atender às nossas necessidades, desejos e anseios.

Mas sabemos que todo o consumo causa impacto (positivo ou negativo) na economia e na natureza. E que, ao ter consciência disso, o consumidor pode maximizar os impactos positivos através do Consumo Consciente: consumir sem deixar de se preocupar com a sustentabilidade.

Afinal, são pequenas mudanças no cotidiano que contribuem para grandes resultados.

O consumo consciente pode ser praticado no dia a dia, seja por meio de gestos simples como uso ou descarte de produtos ou serviços, ou pela escolha das empresas da qual comprar, em função de seu compromisso com o desenvolvimento sócio-ambiental.

Nós, consumidores, somos agentes transformadores da sociedade: através do nosso ato de consumo, devemos adquirir produtos eticamente corretos, que  não envolva a exploração de seres humanos e não provoque danos ao meio ambiente.

 

 

Campanha no PDV, promotor veste a campanha

Imagine o dia a dia de um supermercado.

Agora, imagine o shopper se deparando com tantas marcas e produtos nas gôndolas. 

São tantas opções e tantas ofertas que hoje, temos o chamado Paradoxo da Escolha:  muitas vezes, deixamos de comprar por causa de tanta informação.

É por isso que cada vez mais nos aprofundamos em pesquisas no pdv’s: para entender melhor a expectativa do shopper em sua jornada de compra em relação às marcas. O shopper é impactado no pdv e instigado pela curiosidade sobre aquele produto/marca, que estiver melhor posicionado, com maior visibilidade e que o remeta a uma boa experiência.É nesse contexto o promotor desempenha papel tão importante: através de seu trabalho, o cliente tem acesso aos produtos da marca e às informações, benefícios e diferenciais do produto. 

E para os profissionais de trade marketing das empresas, cabe traçar estratégias e planejar ações sempre com um desafio: inovar nas ações e torná-las relevantes para o shopper.

A Compart feita por mulheres

Nesta semana, a Compart está realizando postagens em suas redes sociais enaltecendo o pensamento e o valor de cada mulher que compõe seu time. Mulheres que entregam todos os dias o seu melhor, com talento e força, desempenhando cada vez mais papéis grandiosos e mostrando todos os dias que podem conquistar tudo aquilo que almejam.

Aline Santos, Coordenadora de equipe, se mostrou satisfeita com a iniciativa “Eu gostei bastante, principalmente porque quando escrevemos a frase, acabamos por repensar sobre nós mesmas”, assim como Ana Tamasia, Analista de Qualidade “Achei muito bacana, porque dá voz e visão de todas as mulheres da empresa independente de cargo ou idade. Acredito que captou a essência do que realmente deveria ser o dia da mulher: exaltar a voz, visibilidade e espaço de discussão a todas.”

Em seu quadro de funcionários, hoje, a Compart possui cerca de 70% de mulheres atuando em diversas áreas. A campanha teve a intenção de empoderar essas mulheres, valorizando pensamentos e ideias.

“A ação dos posts valoriza e dá voz as colaboradoras, demonstrando respeito a individualidade de cada uma. Eu senti que foi um carinho que a empresa me fez, de forma única e singela. Me fazendo sentir parte importante no time e na sociedade como um todo” nos contou Tamiris Guelfi, Analista de Treinamento. 

A Compart agradece e parabeniza todas as mulheres, além de se orgulhar da oportunidade de ter cada uma como elemento principal de seu sucesso.

Reutilização de papel, um aliado do meio ambiente e da economia

Reutilizar papel é uma forma simples e eficiente de contribuir para a redução dos impactos ambientais. Afinal, não faltam motivos para pensar no coletivo, rever suas atitudes e passar a dar mais atenção a esse material antes de simplesmente jogá-lo no lixo.

A reutilização do papel ajuda tanto na preservação do meio ambiente quanto na economia, evitando gastos desnecessários.

*A cada ano, a taxa de papel produzida em cada empresa cresce em media 25%.

*A cada dia, 1 bilhão de cópias são feitas no mundo, cada documento é copiado, em media de 9 a 11 vezes.

— Antes de imprimir o texto, revise-o na tela do computador.

— Aproveite os dois lados do papel para escrever e imprimir.

— Reutilize as sobras de papel para fazer rascunhos e anotar bilhetes.

— Reutilize agendas antigas como blocos de notas ou cadernos.

Em um mundo tão digital, uma enorme quantidade de papel ainda tem sido desperdiçada pela falta de costume em lidar com práticas mais digitais no cotidiano de trabalho. Muitas pessoas ainda se sentem mais confortáveis com documentos impressos do que com sua versão virtual, tendo um gasto desnecessário, quando temos tantas plataformas confiaveis para arquivamento dos mesmos.

O principal impacto ambiental associado à fabricação do papel é a derrubada de árvores para a extração da celulose, resultando na devastação de florestas nativas.

Temos que mudar os hábitos e defender aquilo que habita aqui antes de nós. 

*Fontes: Coopers and Lybrand, Gartner, Forrester Research.

Ruptura e a solução para que não haja quedas no sell out

Ruptura é a falta de um produto em gôndola, gerada, entre outros motivos, pelo desalinhamento entre o giro do produto e sua reposição e/ou sell in, casos que podem ocorrer por falhas na atualização do estoque, devido a quebra de loja. A consequência direta de não ter o seu produto em gôndola é que seu cliente não conseguirá comprá-lo. Uma vez que seu objetivo sempre é de aumentar seu sell out, não será nada produtivo ter os seus negócios prejudicados por este problema.

Com essas informações em mente, é preciso dar uma atenção especial em datas sazonais, pois nestas datas há um aumento de produtos seguimentados, tornando-os mais procurados, obtendo um giro muito maior, podendo ocasionar grandes rupturas caso haja falta de organização e profissionais atentos.

Nessas épocas o consumidor geralmente já pré estabelece o que deseja e se torna frustrante para ele não encontrar o produto em gôndola, gerando insatisfação com a marca.

Nossa gestora de contas, Renata Camargo, nos falou sobre a solução encontrada para a Ruptura em um de seus projetos. “Com foco na solução deste problema criamos para um de nossos clientes, o time Ruptura Zero, no qual realizamos a contratação de uma nova equipe promotores dedicados ao Cash & Carry em horário alternativo. O objetivo dessa operação é manter sempre os produtos abastecidos, buscando aumento de share, conquista de ponto extra visando a conversão em vendas, principalmente se tratando desse canal, onde o giro de produtos é bem considerável.”

Contamos com profissionais atentos e treinados para que tenham agilidade nos processos, também com nosso sistema Comptrade que organiza e ajuda no recebimento e organização das informações, para que não haja quedas no sell out.